24 de set de 2014

Em campanha eleitoral para Governador do Estado de São Paulo, Paulo Skaf demonstra humildade, respeito e consideração pelos animais carentes, bem diferente de seus oponentes nas eleições de 2010.

skaf-15

Desde que Paulo Skaf se candidatou em 2010, tenho votado nele. E diferentemente de outros políticos, ele que não era político em 2013, como presidente da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), conseguiu que as indústrias de cosméticos e de higiene e limpeza patrocinassem um projeto de lei banindo esses testes com animais no Brasil.

Vou repetir ele como presidente de uma federação, convenceu as indústrias a não usarem mais animais em seus testes – e eles juntos foram convencer o ‘governo’ disso, já que a ANVISA (Agência Nacional Vigilância Sanitária) exige isso.

paulo-skaff-luisa-mell

Paulo Skaf também é uma apaixonado por cães. Tutela cinco em sua casa. “Esse é um assunto que me emociona. Sou ‘cachorreiro’”, diz ele.

E Paulo Skaf também abriu as portas da FIESP, para a exposição fotográfica do projeto #Adotei.

E as imagens dele com o cão não fazem parte da campanha política, foram coletadas por mim, depois de ter visto hoje uma reportagem na TV,  de Paulo Skaf sendo impedido de visitar uma escola, (a secretaria de educação não autorizou devido a imundice onde as crianças estudam), e  depois Skaf no caminho para outro evento; quando então o cachorro surgiu em meio a multidão. Foi tudo muito rápido, ele foi até o animal e o acariciou até que ele se acalmou. A reportagem não mostrou o ‘depois do cão’, mas pela minha experiência, e pelo que vi – o cachorro estava bem tratado, deve ser mais um daqueles casos que o animal mesmo tendo casa, sai as ruas, corre atrás das pessoas e dos carros, e depois…. pode sumir, ser atropelado ou coisa pior.

10703561_858523194157868_1087782441048232122_n

E por favor não esqueçam de outros candidatos e de seus partidos com, relação ao tema “ Animais & Meio-Ambiente”.

haddad-russomano

Não esqueçam do estrago que eles fizeram e que sofremos as consequências até hoje.

pt-haddad-dilma

O fato é que nessas eleições, além de termos vários políticos que já são engajados na causa animal e ambiental, muitos outros ativistas e protetores também resolveram se candidatar (para a sorte dos animais). Quando mais políticos pró-animais tivermos, mais legislações e recursos vamos poder cobrar deles, e assim combater o abandono, os maus-tratos.

E porque então eu voto nele.

Vou explicar; primeiro que o tema ‘Animais X Política’, no patamar de um governo do estado mais rico do país, no meu entendimento não deve ser uma proposta de governo de alguém com vagas noções do problema, de sua abrangência e suas implicações.

Então nesse caso, para mim o deveria fazer um bom candidato Perguntar e conversar com quem combate o problema para se chegar a solução.

E é exatamente isso que Paulo Skaf fez e faz. Em seu site ele mantém um contato direto com seus eleitores através do “Mande a sua Ideia”. Um espaço para o envio de sugestões, documentos, vídeos para os programas de governo.

Eu poderia enumerar uma série de coisas que Paulo Skaf fez pelos paulistas e pelos paulistanos; como combater o aumento da luz elétrica, do IPTU, mas isso você pode ver aqui.

E eu fui uma das pessoas que teve a sorte de estudar em um “SESI”, e torço para que todas as escolas do estado de São Paulo tornem-se “SESI’s” também.

E amanhã já estarei mandando a minha ideia para o site do Skaf. A CISPA - Centro Integração Sustentabilidade Proteção Animais; um abrigo-escola com uma força-tarefa para receber as denúncias e polícia/veterinário, para ir ao local autuar e retirar o animal – e mantido por egressos do sistema prisional que trabalhariam com reciclagem que seria transformada em produtos para  animais.

CISPA103

Gostaram da ideia, eu também – tanto que ainda não acabei a minha apresentação, mas sonho com isso todas as noites.

CISPA4

E para você que pediu minha sugestão, em quem votar nessas eleições 2014; Vote Skaf – 15 – Governador!

 

votoskaf

.

24 de set de 2014
comments powered by Disqus

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário