30 de jul de 2010

 

Estou enviando esse e-mail a todas as pessoas, que responderam ao meu e-mail –

 “Preciso do medicamento Lupron Depot 3,75 mg”.

Através de um deles consegui um contato de uma pessoa que fez o anúncio em um fórum de endometriose, vendendo-o por R$ 260,00.

A vendedora está em Goiânia e eu em São Paulo, e com mais o sedex (R$ 66,00), consegui compra-lo.

Hoje já efetuei o depósito, para que a vendedora coloca-se o medicamento no correio, e ele deve chegar as minhas mãos, lá pela segunda-feira, quando poderei começar o tratamento das meninas.

Como daqui a 4 meses, precisarei de nova dose, terei mais tempo, para ver todos os links e possibilidades com calma depois de aplicar a primeira dose. Então podem continuar enviando e-mail se souberem de alguma novidade quanto ao medicamento.

m4

Uma das meninas, é minha filhota “Mina”, que no dia 12/07, completou 7 aninhos.

Mina chegou a minha vida, através de um apelo na internet. No apelo a pessoa informava que havia uma furinha fêmea em um petshop no bairro da Mooca, e que a mesma era mantida em uma gaiolinha minúscula, por mais de um ano, e que ela dormia dentro do próprio banheirinho (furões usam bandejas, como os gatos), e que só era alimentada duas vezes por dia (furões comem a cada 3/4 hs), porque o dono da loja não queria que ela engordasse para continuar parecendo uma filhotinha.

 

Fui até a loja investigar e depois de meia-hora já estava com uma tremenda dor de cabeça. A Loja era minúscula e tinha dezenas de periquitos, calopsitas, pássaros, ratinhos, hamster, cães – era um barulho incessante e intermitente de latidos com canto de pássaros ecoando que deixava humanos e animais enlouquecidos, e lá no meio da loja, estava a “Mina”.

O Lojista queria vende-lá pelo preço de época de filhote (ano 2004 - R$ 850,00),  sendo que ela estava lá engaiolada há exatos 1 ano e 2 meses. No entanto ninguém a comprava porque ela mordia qualquer coisa que chegasse perto de sua gaiola, tanto que para colocar água e comida eles usavam luvas grossas (Furões são carnívoros e comem coelhos, ratos, lagartos na natureza).

Depois de 4 longas horas de conversas, o máximo que consegui foi um desconto de R$ 50,00 e compra-la via cartão de crédito, assim poderia depois parcelar com os juros do Visa.

Sou sim contra o comércio de animais, mas não evolui tanto ao ponto, de deixar um animal em sofrimento só porque seu resgate seria feito a base de cartão de crédito. E o lojista felizmente também aprendeu uma lição, por ter adquirido um animal que não conhecia, e que encalhou na loja, dando-lhe um certo prejuízo pois teve que alimenta-ló durante 14 meses, a base uma ração que custava na época R$ 38,00 o quilo.

 

mina_017

 

Mina foi sim comprada por pura dó, e para ser a irmãzinha do Donatello, meu eterno bebezinho que agora brinca no céu dos animais.

Só pude realmente pega-lá nas mãos uns 3 meses depois que estava em casa, era muito assustada, afinal até aquela data, mãos humanas somente a tinham magoado e machucado.

 

Atualmente Mina, é a “senhorinha” da casa, junto com meus outros peludinhos resgatados/abandonados de várias formas, cada um com sua própria historinha.

 

CIMG0570 

 

Sobre a outra furinha, não posso contar nada sobre ela, pois é um caso complicado que envolve “um casal em separação”, e só quero saber de tratar da pequena e não criar polêmica ou motivos enquanto não sacramentam o termo de doação a minha pessoa.

Sendo assim, deixo aqui um alguns pontos que considero importante divulgar sobre os Furões no Brasil – Ferrets em inglês, para que mais pessoas tomem ciência e possam ajuda-lós.

No Brasil,  Furões costumam viver somente de 4 a 6 anos, sendo que na Europa vivem de 8 a 10 anos. Essa enorme diferença no tempo de vida deles entre continentes, é devido as mentiras que os lojistas contam, que furões são criados em gaiolas e a falta de rações de qualidade, e de medicamentos e suplementos. Também os interessados em furões tem sua parcela de culpa, pois não vão atrás de informação de qualidade para cria-lós como lhes é devido.

=>Furões não podem receber mais de 6 horas de luz diária, seja ela natural ou artificial.

=>Furões precisam beber 3 vezes a mesma quantidade de água da ração que consomem, precisam de potes e não de pingadouros de água.

=> Furões são carnívoros e não roedores, mas não possuem o “cécum ou ceco”,  todos os outros animais domésticos possuem um que ajuda na digestão de carboidratos e alimentos fibrosos. O ceco é algo como uma bolsa que fica entre o intestino grosso e delgado. Ele contém bactérias e enzimas que auxiliam na digestão.

=>PORTANTO NÃO PODEM COMER RAÇÃO PARA CACHORRO E NEM RAÇÃO DE GATOS ADULTOS.

Só podem comer Ração para Furão, ou Ração PREMIUM (ALTA QUALIDADE), PARA GATOS FILHOTES.

=>Furões precisam dormir na mais completa escuridão, pois não possuem membrana para cobrir suas pupilas.

=>Furões não podem viver confinados em Gaiolas, engaiolados tendem a ficar deprimidos e ou param de comer, ou começam a comer demais, e deprimidos seu sistema imunológico responde na forma de doenças.

Novamente agradeço o carinho de todos em responderem ao meu apelo.

Obrigado a todos que de alguma forma ou de várias formas ajudam todo e qualquer animal necessitado, seja com palavras, ou com ações.

 

 

Marli Delucca
http://redebichos.ning.com/profile/MarliDelucca


♥ Se não faço tudo o que o que devo, pelo menos faço tudo o que posso!

 

 

 

 

 

Bartleby, mais um caso em estágio avançado da Doença de Adrenal


 

 

Donatello sonha com seus desejos mais doces; receber umas lambeijokas da Mina; fazer montanhismo com o Enzo; e reunir os amigos Barney e Marylu para juntos fazer a festa tomando Nescau. PS: Ferrets não devem tomar chocolate, nem nescau!

30 de jul de 2010
comments powered by Disqus

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário