23 de ago de 2012

O candidato à prefeitura de São Paulo pelo PT, Fernando Haddad, faz carreata com militantes da sua campanha pelas ruas da zona leste. O início da carreata foi na Vila Curuçá e seguiu para Itaquera. No trajeto, um dos milhões de cães abandonados pelas ruas de São Paulo, cruzou com a carreata.

A mídia divulgou que o candidatou brincou com o cãozinho, mas quem presenciou disse que eles buzinaram e tentaram de tudo para espantar o cão, tudo para não parar a carreata, nem para dar passagem para o cãozinho para que ele não fosse atropelado.

pt-nemai-animais

Serra e Trípoli visitam a UIPA

O candidato do PSDB à prefeitura de São Paulo, José Serra, visitou nesta quinta-feira a União Internacional Protetora dos Animais (UIPA), uma ONG que cuida de cachorros e gatos abandonados em São Paulo.

serra_uipa

Ao conhecer o local, onde vivem aproximadamente 1,2 mil bichos, o ex-governador prometeu uma "política de adoção e esterilização" para frear a reprodução destes animais na capital paulista.

"São Paulo é a cidade mais avançada no tratamento de animais. Aqui, em vez de matar, a ideia é esterilizar e frear a população. (...)Em São Paulo, 40% das residências têm cachorros ou gatos. São 3 milhões aqui na nossa cidade. Portanto, temos que ter política para isso. Essa política tem que ser a da atenção, adoção, esterilização e inclusive do atendimento veterinário", afirmou.

O candidato disse, no entanto, que não tem nenhum animal de estimação em sua casa. E rejeitou adotar um cachorro da UIPA. "Eu gosto de gato porque não faz barulho, mas me dá alergia. Eu gosto de cachorro porque não me dá alergia, mas faz barulho. (...) Cachorro também precisa de companhia. Em casa, vai ficar solitário. Não adianta. Tem quer ter vida em casa para ter um cachorro", explicou.

Quem acabou adotando o cachorro foi o vereador Roberto Trípoli (PV-SP), que acompanhou Serra na visita à sede da organização. "O governo tem que se apoiar em ONGs como essa. O Trípoli fez uma lei que obrigou o cadastramento de animais, para saber quem são os donos quando alguém perde um animal. Isso é uma coisa avançada que existe em outros países", disse o tucano.

Cachorro faz xixi na foto do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab

xixinokassab

O cartaz de Kassab era usado na brincadeira da "boca do palhaço", na festa junina organizada no Minhocão, da quermesse Futura Press. O cartaz de Kassab era usado na brincadeira da "boca do palhaço" da quermesse Futura Press.

23 de ago de 2012
comments powered by Disqus

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário