17 de dez de 2013

Para a celebração dos seus 77 anos, o Papa Francisco convidou 4 moradores de rua; três eram humanos e o quarto convidado era o cachorro de um dos homens que orgulhosamente segurava seu melhor amigo ao colo.

Cachorro de Rua toma café da manhã com

Os moradores de rua vivem próximo aos dos muros do Vaticano e foram convidados por funcionário do Vaticano a pedido do Papa Francisco para assistir à missa matinal celebrada diariamente.

Na única foto divulgada pelo Vaticano o cachorro está ao colo de seu cuidador ao ser apresentado ao Papa Francisco, e com certeza o animal deve também ter recebido a benção papal, como ocorreu em Março desse ano, em PAPA QUEBRA PROTOCOLO E ABENÇOA CÃO.

Após a missa, todos tomaram café da manhã com o Papa Francisco.

#AuguriPapa     #AuguriFrancesco  #PapaFrancesco

Fonte: News919

Nota do Blog: Curiosamente, 17 de Dezembro, dia de Aniversário do Papa Francisco também é o dia de São Lazaro.

Mas o Lázaro que vemos nos "santinhos" é um homem pobre, cercado de cães. Ele é venerado por muitos, que lhe pedem ajuda contra as doenças de pele. Existe até um costume no norte do Brasil (Ceará, Piauí, Maranhão) chamado A Mesa de Lázaro — quando alguém alcança a graça pedida, deve pagar a promessa desta maneira: preparar um banquete e oferecê-lo aos... cachorros de rua. Uma bela toalha posta ao chão e boa comida  servida aos que tem fome servem para homenagear São Lázaro através do agrado aos animais.

No entanto, parece que o Santo reconhecido pela Igreja Católica neste dia é outro, é o Lázaro que foi ressuscitado por Cristo.

Na tradição da Igreja Católica o São Lázaro dos cães, é venerado como santo protetor dos males da lepra e dos mendigos. Sua festa litúrgica é celebrada em 21 de Junho.

A confusão parece ter origem na passagem de Lucas, capítulo 16, versículos 19-21, onde Jesus conta uma parábola sobre um mendigo de nome Lázaro que se alimenta das migalhas caídas da mesa de um homem rico; cães se aproximam e lambem suas feridas.

Os dois morrem; o mendigo vai para junto de Abraão, carregado por anjos; o rico, para o inferno. Este vê o mendigo e implora a Abraão que deixe que Lázaro lhe dê um pouco de água, mas Abraão diz que isto não é possível. O rico então pede que seus irmãos (vivos) sejam avisados sobre o inferno para assim mudarem seu comportamento.

E vendo a postura do Papa Francisco em relação aos pobres, aos famintos, aos doentes, acho que a igreja católica trocou o dia dos Lázaros, não acham não….

Leia Também:

17 de dez de 2013
comments powered by Disqus

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário