11 de mar de 2015

Sam Simon ficou primeiramente conhecido por ter sido um dos co-autores do seriado ‘Os Simpsons’, e foi como roteirista e produtor de seriados da televisão que ele fez fortuna, mas foi seu ativismo em favor dos animais que o fez alcançar a fama mundial. sam_simon_tributo

O produtor-executivo de “Os Simpsons”, Al Jean, disse no Twitter que Simon era “um grande homem; pediu aos fãs que homenageassem a memória de Simon fazendo alguma boa ação aos animais.

sam_AND_DOG Sam Simon faleceu domingo (9/3) aos 59 anos de idade, em sua casa cercado pelo seu cão de estimação, por amigos e familiares.

Samuel Michael Simon, que ficou conhecido como ‘Sam Simon’ nasceu em 6 de Junho de 1955, e aos 19 anos já começou a defender os animais se tornando vegetariano.

Ano passado Simon recebeu o ‘Valentine Davies Award’ – prêmio especial por seu trabalho humanitário em prol dos animais. 

Em 2008 ele criou a ‘Fundação Sam Simon’ – que além de abrigar os cães, os treinava especificamente para atender pessoas com deficiências visuais e motoras. Os cães eram treinados para serem doados como cães-guias para pessoas cegas ou paralíticas, ou para quem mais quisessem adota-los. Depois a fundação avançou com diversos outros projetos como a clínica móvel para castração, o treinamento de cães para terapia em hospitais, e asilos.

Além dos animais, crianças e os adultos também eram beneficiadas com as ações filantrópicas de Sam Simon. Em 2011 a fundação Sam Simon começou um programa que distribuía gratuitamente às famílias de baixa renda refeições veganas. Nos últimos 15 anos ele havia se tornado vegano.

 

Perguntado se ele estava impondo a sua própria dieta vegana, as outras pessoas, Sam Simon respondeu:

"Eles podem comer o que quiserem, eu só não vou pagar por isso."
Sam-Simon-Foundation-donate-now2_thumb[1]

Em maio de 2012, Sam Simon recebeu um diagnostico da doença já em estágio avançado. Ele sofria de um câncer terminal no cólon, e a expectativa de vida dada pelos médicos era de 3 a 6 meses de vida. "O câncer é uma doença horrível", disse ele. Mas foi seu compromisso e seu amor para os com os animais e seus direitos foi o que ajudou Sam Simon a estender seu tempo de vida.

Divorciado e sem filhos, Sam Simon decidiu naquele ano doar sua fortuna estimada em 100 milhões de dólares para as causas aos quais era apaixonado. "De alguma forma eu acabei cercado por pessoas que me amam e que cuidam de mim e que vão fazer qualquer coisa por mim. Isso é que eu chamo de felicidade.

Depois do diagnostico, Simon pediu a presidente da PETA, Ingrid se ela poderia visita-lo no hospital trazendo uma lista de coisas que ele poderia fazer para ajudar os animais antes de morrer. A relação de Sam Simon com a PETA começou quando ele doou o cachê  que recebeu na participação em um episódio, porque o roteiro era sobre as corridas de cães galgos e ele sentiu que não poderia, em sã consciência, ficar com o dinheiro.

"Eu tenho um tempo limitado na Terra para fazer o que eu posso fazer até eu morrer", disse ele. "Você é um pouco mais consciente do que quando você está doente.", disse Sam Simon durante uma entrevista sobre o documentário que retrata sua luta contra o câncer. (Veja abaixo uma prévia do documentário).

Alguns dias antes de falecer, Simon foi capaz de aumentar a conscientização sobre o sofrimento dos animais marinhos em cativeiro. Quando a cantora Britney Spears twittou uma foto de si mesma nadarndo com golfinhos em Las Vegas, Simon respondeu.

"[Os golfinhos que você] nadar são capturados [e] mortos em Taiji", ele twittou para seus 58 mil seguidores, referindo-se às operações de caça de golfinhos em Taiji, no Japão, que ficou famosa no documentário The Cove.

simonsam

Simon se importava profundamente com os animais marinhos e com a pesca ilegal. Ele doou uma quantia não revelada de dinheiro para a Sea Shepherd Conservation Society, uma organização de conservação marinha ativista que luta contra a caça e pesca ilegal. O grupo depois batizou um novo navio de  Sam Simon, usado para monitorar a caça feita pelo japão.

SSS_SamSimon

2014-03-02-SamSimonarrivesinTaijiEarthDrReeseHalter

   

Ele deu uma comovente entrevista em 2013, para abordar a questão:

Nos últimos anos de sua vida, Sam Simon usou sua fortuna para libertar diversos animais do sofrimento;

Ele pagou pelo transporte e até comprou dezenas de animais que viveram vidas miseráveis ​​em zoológicos de beira de estrada, para que a PETA pudesse enviá-los para os santuários.

Trabalhando com a PETA nos últimos anos de sua vida, Sam Simon colaborou no resgate de um elefante abusado na Índia, no resgate de dois solitários chimpanzés jardim zoológico de estrada para um santuário, e de encontrar lares amorosos para centenas de chinchilas, resgatadas de uma fábrica de peles, de ajudar um camelo, e resgate de um touro "gay". Sam Simon dizia; "O câncer tem sido uma luta, uma viagem, uma aventura e os dias mais felizes, e a experiência mais incrível da minha vida. '

story_wide 1415650373544_Image_galleryImage_Mandatory_Credit_Photo_by

Ele queria viver para ver o fechamento do parque marinho SeaWorld fechada, mas acreditavam que o dia em que os elefantes estavam fora do circo significou que, também, que iria acontecer.

Em uma coletiva de imprensa Sam Simon, chamou a atenção para a situação dos animais usados para entretenimento, na TV e nos filmes.

"Eu só queria ter mais alguns dias para poder ver os animais com suas patas na grama pela primeira vez. Junto com a PETA, nós resgatamos animais em zoológicos e circos de beira de estrada. Esses são alguns dos animais mais abusadas no país. "

Apesar de estar gravemente doente, ele viajou para o Canadá ao lado de Pamela Anderson levando um cheque de 1 milhão de dólares, que ofereceu a Associação para dar fim à matança anual de focas.

 
Além de todos os animais Simon salvos durante a sua vida, ele deixou doações generosas em seu testamento para garantir que seus esforços para animais continuaria depois que ele partisse.

O quartel-general da PETA, teve seu edifício rebatizado de Centro Sam Simon. E no discurso de abertura Sam disse:

"Um dia, as pessoas vão perceber que o discurso da PETA é o correto," Os animais não são nossos para comer, vestir, para fazer experiência ou serem usados em entretenimento."

A presidente PETA Ingrid Newkirk, disse: "Eu espero que todo aquele que ouvir falar sobre Sam Simon possa fazer algo gentil e generoso em sua memória, mesmo que seja apenas uma hora extra de brincadeiras com seu cachorro ou optar por comer uma refeição que não envolva o sofrimento animal ".

Em seu blog a PETA colocou um poema sobre Sam Simon, depois do anúncio de sua morte.

Escrito por Sam Simon, setembro 2014

Ursula e filhotes de urso de resgate

Um homem em uma Colina

Ficou subitamente bastante doente

Mas concentrou seus cuidados

Em ursos de um jardim zoológico de beira de estrada 

Liberá-los foi uma grande emoção!

Sua vida pode ser o sonho de Hollywood

Jogar poker e desabafando

Mas ele é os joelhos da abelha

Para dois grandes chimpanzés 

Que foram resgatados porque Sam tem sua equipe!

Bebê chimpanzé
Valediction o cavalo salvados (2)

Ele apoiou o nosso caso em tribunal SeaWorld

Disse: "Para escravizar orcas é uma vergonha!"

E ele resgatou, é claro,

Valediction, um cavalo 

Slaughter-bound, quando ele perdeu sua última corrida.

Ele libertou o jovem elefante, Sunder 

A partir dos espancamentos e medo que ele viveu sob.

Ele estava acorrentado no escuro

Mas um exuberante parque da selva

Agora dá a ele uma vida cheia de maravilha!

Sunder e elefante namorada de resgate
sam-simon-peta

Sunder agora tem uma namorada elefante. 

Sua paquiderme o romance foi turbilhão.

Se novos votos foram cunhado,

Eles diziam: "O que SAM tem juntado,

Que nenhum homem, chicote, ou cadeia de dilacerar! "

E chinchilas, 400 ou mais,

Quase eletrocutados por um casaco ou um lance

Foram todos condenados a ser fritos

Até que Sam Simon gritou,

"Adote 'e assim encerrar o show!"

Brad e Angie chinchilas
I_Chicken_Headline

Agora deixando alunos de Sam dentro 

Uma galinha em um passeio de matadouro

Sua realidade em um show virtual

Ajuda aos comedores de carne à chorar, "Whoa!" Porque foi por eles que o frango que morreu.

Em um caminhão abate, carregado como frete,

Porcas assustados levantou-um total de oito.

Graças a Sam, agora eles correm

Através da grama, sob o sol,

E nunca vai acabar em um prato.

semear 3626 com uma ferida aberta em seu nariz de ser atingido com uma haste de metal gate
Benjy

Quando Benjy caiu plana como um garanhão,

Agricultores disse, "Slaughter que dud!"

Mas Sam salvou este touro "gay"

Cuja vida nova agora está cheio

de dias de pastejo e mastigar sua ruminação.

Um camelo 14-year-old, Waheed

Foi tão faminto ele era magro como um caniço.

Forçado a dançar e dar passeios,

E na falta de saúde, além disso,

Ele, finalmente, graças a Sam-foi liberada!

Waheed salvei Camel Vestindo Blanket

 

 

Gentil Touro

E na Índia, ele fez o que é preciso

Assim que os touros, burros, cães, até cobras

Pode parar esquivando pedras atiradas,

Descanse seus cansados, dores nos ossos

E comer grama e os seus favoritos bolos de nozes .

 

 

  sam_simon_rip

11 de mar de 2015
comments powered by Disqus

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário