6 de jan de 2014

(Com vídeo) Hoje, duas notícias distintas despertaram a minha atenção, de que a causa das mortes de tantas baleias em lugares diferentes, teriam o mesmo assassino – a frota baleeira japonesa.

Baleias_mortes-alem-arpao

A primeira notícia - SEA SHEPHERD FLAGROU A FROTA JAPONESA MATANDO DENTRO DO SANTUÁRIO DAS BALEIAS.

A organização ambientalista Sea Shepherd denunciou que barcos japoneses mataram baleias no Santuário das Baleias do Oceano Austral, zona que circunda a Antártida, onde é proibida a caça comercial, informou a imprensa local. A frota da Sea Shepherd, composta pelos barcos Steve Irwin, Bob Barker e Sam Simon, promove a sua campanha anual contra a pesca ilegal da baleia na Antártida pelos japoneses. Desde 1987, eles praticam a pesca, alegando fins científicos.

A frota japonesa é formada por cinco barcos que se encontram no interior da zona protegida, segundo a organização. A Sea Shepherd divulgou imagens e fotografias de três baleias minke mortas no convés do navio-fábrica Nisshin Maru, além de uma quarta espécie, que estaria sendo abatida quando um helicóptero da Sea Shepherd sobrevoou o navio.

"É uma cena horrível, sangrenta e medieval, que não tem lugar neste mundo moderno", disse hoje o presidente da Sea Shepherd Austrália, Bob Brown, que acusou o governo australiano de não cumprir a promessa de vigiar a área. A Austrália tinha prometido enviar à Antártida um barco para prevenir a matança ilegal de baleias, mas no mês passado indicou que enviaria um avião.

A Sea Shepherd considera que o Japão viola a regra internacional estabelecida em 1986 sobre a pesca comercial de baleias, embora o governo de Tóquio garanta que as capturas têm fins científicos. (Fonte: Phis)

A segunda notícia - Dezenas de baleias morrem encalhadas na costa da Nova Zelândia

39 baleias-piloto morreram depois de ficarem presas em uma remota praia da Nova Zelândia. As baleias encalhados no Sul do país, morreram na segunda-feira depois de terem sido descobertas perto da costa no dia anterior, disseram as autoridades de conservação.

Doze das baleias morreram naturalmente e os outros foram sacrificados depois que autoridades determinaram que elas estavam muito longe da  praia para serem devolvidas ao mar . Encalhes em massa de baleias-piloto são comuns na Nova Zelândia, mas os cientistas não estão claras sobre por que os mamíferos marinhos nadar até a praia em grandes grupos. (Fonte: Aljazeera)

 

Coincidências e Fatos

O encalhe e a morte de baleias nas praias da Nova Zelândia, se tornou tão frequente, que poucos jornais divulgam o fato – OU – será que não divulgam para que outras pessoas ao redor do mundo, não vejam que isso tem ocorrido exatamente quando a frota baleeira japonesa está se aproximando da Antártica que fica próxima a Nova Zelândia….

Para quem não sabe já foi comprovado cientificamente que  baleias e outros animais marinhos são muito sensíveis aos sonares, equipamentos que emitem frequências acústicas para auxiliar na navegação, pesca ou, ainda, em casos de guerra, para localização de submarinos. Os dados, apontam que os mamíferos aquáticos, quando expostos a este tipo de som, inclusive a níveis baixos, reagem de maneira extrema.

Eles interrompem sua alimentação ou nadam de forma rápida para se afastar do local de transmissão. Além disso, só retomam seu comportamento normal cerca de quatro horas após a exposição ao sonar.

Á única real defesa das baleias tem sido a ONG SEA SHEPHERD, que infelizmente precisa de muitos mais voluntários e de doações para poder atuar em vários locais, e conseguir comprovar através de exames que os encalhes ocorrem devido ao uso de sonares nos navios.

http://seashepherd.org.br/doacoes/

Por que as baleias encalhadas morrem

Como todo mamífero, elas respiram fora da água. Mas não resistem à pressão e ao calor da superfície. Morrer na praia - Entenda a agonia de uma baleia encalhada
Forno => Com a pele geralmente escura e uma camada interna de gordura de até 40 centímetros, expostas ao sol, as baleias iniciam um processo de superaquecimento.
Seca=> O excesso de calor faz com que as células comecem a perder líquido, iniciando uma longa e debilitante desidratação.
Pressão=> Na água, as dezenas de toneladas de uma baleia não são problema. Na terra, a gravidade faz com o que o mamífero marinho são suporte o próprio peso.
Sufoco=> A baleia começa a sufocar. Sim, ela respira ar como nós, mas seu peso na superfície acaba comprimindo os pulmões. A cada hora, o intervalo de respiração do animal fica mais longo.
O Último Suspiro=> A baleia inspira, mas o oxigênio não chega aos órgãos, que vão entrando em falência. Logo o organismo para de funcionar. Geralmente, só um guincho é capaz de transportar o cadáver.

E eu continuo a propagar a minha Teoria “SALVANDO AS BALEIAS ESFRIAMOS OS OCEANOS”  , talvez se as pessoas souberem que estão matando o planeta,  se souberem que são elas mesmas que causam as fortes chuvas, inundações, tufões, devido a matança das baleias, essa barbárie tenha fim.

6 de jan de 2014
comments powered by Disqus

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário