20 de out de 2014

Bentley, o cão da enfermeira de Dallas que contraiu Ebola, ganhou uma confortável cama, brinquedos e outros itens para distraí-lo . Também recebe carinho e abraços, dos veterinários da Universidade do Texas, que cuidam do animal em uma base aérea desativada, durante o tratamento de Nina Pham, a enfermeira que contraiu ebola ao cuidar de um paciente que faleceu.

bentley_cao

"Estamos esperançosos de que a jornada de Bentley irá contribuir para o que sabemos sobre o Ebola e os cães, uma vez que os animais desempenham um papel tão importante na vida de tantas pessoas", disse o gerente de operação se Serviços de Animais de Dallas, Dr. Cate McManus em uma declaração escrita.

Em resposta à manifestação de apoio do mundo todo o mundo para  Bentley, a cidade de Dallas firmou uma parceria para criação de um fundo. As doações nesse fundo ajudarão Bentley e outros animais de estimação em situações de emergência semelhantes no futuro, dedicada a fortalecer a conexão entre pessoas e animais

O fundo Dallas Pet Serviços Transição de Emergência (PETS) vai ajudar a custear os custos associados com animais de estimação deslocadas ou afetadas por situações de emergência, tais como desastres naturais ou possíveis futuros casos de Ebola.

Para doar para o fundo, visite www.DallasAnimals.org e clique em "Donate". Escolha o fundo Dallas PETS.

Outra enfermeira de Dallas, álém de Nina Pham, também apresentou sintomas de Ebola e está isolada.

Mãe humana do Cão Excálibur está curada do Ebola

Teresa Romero, a auxiliar de enfermagem espanhola está livre da doença após testar negativo duas vezes seguidas, disseram os médicos nesta terça-feira.

"Consideramos que ela está curada do vírus Ebola segundo critérios da Organização Mundial da Saúde", disse José Ramon Arribas, médico no hospital Carlos 3º, em Madri, onde a enfermeira recebeu tratamento.

Teresa teve teste negativo duas vezes em um intervalo de 48 horas entre os exames. Ela não receberá alta do hospital até que esteja plenamente recuperada.

Teresa ainda não sabe que Excálibur por assassinado pelas autoridades espanholas.

O pai humano de Excálibur, escreveu uma carta ao cão, uma semana após sua execução;

Excálibur, onde quer que você vá, saiba que nós, seus pais - sempre te levarão em seu coração.
Acabaram contigo pessoas má e sem sentimentos.
Fizemos tudo o que pudemos e mais para salvarte, mas no final não conseguimos.
Enquanto te escrevo esta carta não paro de chorar, mas estou muito orgulhoso de você, porque tem sido um exemplo para o mundo inteiro, e não serás esquecido tão fácilmente.
Agora, de onde você estiver, você tem que dar forças à mamãezinha para que ela fique boa, tal como fez comigo, e continuar a lutar.
Embora já não esteja connosco, te prometo que será feita justiça.
DESCANSE EM PAZ
Javier limão

20 de out de 2014
comments powered by Disqus

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário