8 de nov de 2014

Por natureza, muitos animais são tipicamente desconfiados dos seres humanos quando estes chegam muito perto, especialmente quando eles dão a luz. Mas curiosamente, em uma tentativa desesperada de salvar a vida de seu filhote recém-nascido, uma mamãe girafa procurou um ser humano para ajudar seu bebê.

Mamãe Girafa Procura Guia de Vida Selvagem Para

Há alguns meses atrás, enquanto caminhava pela  Reserva Natural Oori na África do Sul, Sam Wingate e um amigo foram inexplicavelmente abordados por uma girafa fêmea. Eles a reconheceram como sendo a mesma girafa que tinham visto a uma certa distância no dia anterior, na companhia de seu filhote recém-nascido, mas agora ela estava sozinha e parecia estar em perigo.

Sam, é um guia de vida selvagem, e percorre as trilhas da reserva quase que diariamente. Ele disse que ficou com a sensação de que a Girafa estava precisando de ajuda, mas que ele não tinha entendia qual era o problema. Assim, com cautela começou a caminhar na direção da girafa, momento em que ela se virou e começou a levá-los para uma árvore a cerca de 300 metros de distância. 

Lá, em baixo da sombra, eles descobriram seu filhote recém-nascido, que parecia ser incapaz de ficar de pé.

"Quando o vi pela primeira vez, eu poderia dizer que ele tinha acabado de nascer", disse Sam ao The Dodo. "Eu pude ver que seu cordão umbilical ainda estava lá

 

 

Ele não estava certo o que ele deveria fazer em seguida, mas logo ficou claro que ele tinha sido convocado para ajudar.

Mas Sam estava relutante em se aproximar do filhote temendo que sua mãe poderia de repente vê-lo como uma ameaça.

"Eu não queria chegar perto com ela ainda ao lado da girafinha. Um chute poderia ter me matado", diz Sam. 

"Mas a Girafa percebeu minha hesitação, e acabou caminhando para longe. Essa foi a parte mais incrível da história. Ela realmente se afastou para que eu pudesse se aproximar do filhote."

Enquanto a mamãe Girafa olhava de longe, Sam e seu amigo tentaram avaliar o que estava errado, suspeitando que a girafinha poderia ter caído desajeitadamente ao nascer e ficou atordoada. Ela não pareceu estar sangrando ou estar ferida.

"De alguma forma conseguimos levantar a girafinha e mantê-la sobre seus pés, ela deu alguns passos e caiu", diz Sam.

Depois disso, o animal exausto precisava de mais ajuda do que eles poderiam fornecer, Sam e seu amigo partiram a procura de veterinários de animais selvagens, que poderiam ser chamados. Infelizmente, mais tarde ele soube que o veterinário encontrou o animal em um estado ainda mais fraco, e que nada poderia ser feito para salvá-lo, morrendo pouco depois.

Apesar do final triste, Sam suspeita que a mamãe Girafa, ficou agradecida por ele ter tentado ajudar, porque depois, ele foi abordado pela mesmo girafa muitas vezes desde então.

"Muitas vezes ela se aproxima de mim, mais do que os outros. Eu gostaria de pensar que é gratidão", diz Sam. "Ela veio até mim em um momento de desespero quando seu filhote estava morrendo. Ela olhou e procurou pela criatura mais próxima que ela podia chegar, e era eu." 

8 de nov de 2014
comments powered by Disqus

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário