21 de nov de 2013

Buster, o cachorro de dois anos de idade foi adotado pela família há três meses e se tornou um herói.

Durante a madrugada, o menino Charlie de apenas três anos de idade se enrolou em uma das cordas da persiana. .Mas Charlie tinha um anjo da guarda que zelava por ele mesmo enquanto ele dormia, e esse anjo estava na forma de um cão.Quando o Buster percebeu que o pequeno Charlie estava sendo enforcado pela corda, começou a latir na porta do quarto da mãe dele, Natalie Blake

Cachorro adotado ha 3 meses

Era por volta das três horas da madrugada e eu estava dormindo. E então eu escutei Buster latindo. A porta do quarto estava fechada e ele estava do lado de fora. Minha primeira reação foi de que tinha alguém dentro de casa porque ele nunca late à noite. Eu o segui até o andar debaixo onde meu filho estava com a corda enrolada no pescoço.

Por causa dos latidos de Buster, Natalie teve tempo de salvar o filho. Charlie saiu praticamente ileso do acidente, com apenas algumas marcas vermelhas no pescoço, que logo sumiram.

Buster foi adotado há apenas três meses, ele estava sendo anunciando para doação nas redes sociais.

Mas ela disse que isso ajudou a mudar a opinião de amigos e familiares a respeito de ter um cachorro adulto e grande como ele.

A Sra.Blake disse: "É definitivamente minha família mudou de opinião quando a termos adotado o Buster, eu tive que escutar alguns comentários como" Por que você pegou? ", Mas se eu não o fizesse, quem sabe o que teria acontecido."

Hazel Flanigan, que havia dado lar temporário a Buster, até a sua adoção definitiva disse: "Se Buster não tivesse alertado Natalie, o menino não estaria aqui hoje. Este cão é um herói. "

Anteriormente, a mãe teve um pastor alemão, mas desde que Charlie tinha nascido, achava que não tinha mais condições de cuidar de um outro cachorro.

Ela disse: "Eu gosto de cães grandes, mas eu prefiro pastores alemães, mas eu decidi adotar Buster e ver como eles iriam se relacionar com o tempo.

"Ele é um cão muito tranquilo, ele só é realmente animado, se tivermos visitantes à noite, normalmente ele só dorme."

Ela acrescentou: "Charlie agora ama Buster. Ele estava com medo de cães, mas graças ao contato com um outro cão de familiares e Buster ele se acostumou com eles.

Fonte: Shropshire

21 de nov de 2013
comments powered by Disqus

Comentário(s)

Nenhum comentário:

Postar um comentário